Alerj aprova nova homenagem a atletas e equipe técnica da Paralimpíada

Foto: Thiago Lontra
Texto: Gustavo Natario e Leon Lucius

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou na terça-feira (30/11) a concessão da Medalha Tiradentes, maior honraria do Parlamento Fluminense, a quatro atletas e três técnicos que representaram o país em diversas edições dos Jogos Paralímpicos. No final de outubro, a Casa concedeu 25 medalhas a atletas paralímpicos, médicos e técnicos.

As homenagens são assinadas pelo presidente da Casa, deputado André Ceciliano (PT), e outros 44 parlamentares. Os projetos serão promulgados e publicados no Diário Oficial do Legislativo dos próximos dias.

Veja os atletas homenageados:

Jonas Alexandre de Lima Silva foi atleta do atletismo e competia nas provas de 400m. Em 2015, o técnico Fábio Dias convidou Jonas para conhecer o atletismo Paralímpico. Por conta do convite, Silva começou a treinar e competir como atleta-guia com a atleta Viviane Soares. Em 2016, começou a treinar e competir com o atleta Felipe Gomes, da classe T11. Com Felipe, Jonas teve a oportunidade de competir nos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro, onde obtiveram quatro medalhas, posteriormente duas medalhas no Mundial em Dubai e duas no Parapan-Americanos em Lima, Peru. Ano passado, 2020, participou como atleta guia nas Paraolímpiadas de Tóquio. A homenagem foi proposta no projeto de resolução 837/21.

João Victor Teixeira de Souza, atleta paralímpico brasileiro da classe T37, para atletas com paralisia cerebral. Representou o Brasil nos Jogos Parapan-Americanos de 2015 em Toronto onde conquistou uma medalha de ouro e nos Jogos Parapan-Americanos de 2019 em Lima, obteve duas medalhas de prata. Campeão Mundial no lançamento de disco em Dubai em 2019, João também conquistou a medalha de bronze no arremesso de peso. Nas Paraolímpiadas de Tokyo em 2020, conseguiu medalha de bronze no arremesso de peso com a marca de 14 m 45 cm e mais uma medalha de bronze no lançamento de disco, com a marca de 51m.55 c.m. A homenagem foi proposta no projeto de resolução 838/21.

Guilherme Ademilson dos Anjos Santos, atleta guia do atletismo das provas dos 5.000m e Maratona. Participou dos jogos Paralímpicos Rio 2016 e foi bronze na maratona guiando a atleta Edneusa Santo, classe T12, e também o atleta Yeltsin Jacques na prova de 5.000m, classe T12 atingindo a 5° colocação. Esteve em 2020 nas Paraolímpiadas de Tokyo onde atuou na prova dos 5.000m guiando o atleta Júlio César, classe T11 atingindo a 7° colocação. A homenagem foi proposta no projeto de resolução 839/21.

Caio Ribeiro de Carvalho iniciou a paracanoagem em 2011 após sofrer um acidente veicular que causou a amputação acima do joelho da perna esquerda. Desde pequeno sempre foi amante dos esportes e sonhava em ser Campeão Olímpico. Nas Paralimpíadas do Rio 2016 conquistou a primeira medalha da paracanoagem brasileira. Foi bicampeão mundial e seis vezes vice-campeão mundial. Caio estará em 2024 nas paralimpíadas de Paris. A homenagem foi proposta no projeto de resolução 840/21.

Veja os integrantes da equipe técnica homenageados:

Soraia Izabel Corrêa, técnica de Natação Paralímpica, foi a primeira mulher técnica de Natação no universo do atletismo Paralímpico. Técnica nacional do Comitê Paralímpico Brasileiro, sendo eleita a melhor técnica de natação de atletas deficientes visuais por mais de seis anos. Campeã Brasileira de Natação para Deficientes Visuais com atletas nas Paralimpíadas de Sidnei, Atenas, Pequim, Rio de Janeiro e Tóquio. Seus atletas são recordistas das Américas, campeões mundiais e Parapanamericanos e Paralímpicos.

Rafael Augusto Jacob de Jesus , fisioterapeuta osteopata D.O, classificador médico nacional de remo paralímpico, fisioterapeuta da Confederação Brasileira de Remo de 2013 até hoje. Jacob participou do Word Rowing 2013, na Coeria do Sul, do World Rowing 2014, em Amsterdã; do World Rowing 2015, na França; participou das Paralimpíadas no Rio de Janeiro, em 2016; em 2017 esteve presente no World Rowing, nos EUA; em 2018, no World Rowing na Bulgária. Em 2020, representou o Brasil nas Paralimpíadas de Tóquio. A homenagem foi proposta no projeto de resolução 835/21.

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou nesta terça-feira (30/11) a concessão da Medalha Tiradentes, maior honraria do Parlamento Fluminense, a quatro atletas e três técnicos que representaram o país em diversas edições dos Jogos Paralímpicos. No final de outubro, a Casa concedeu 25 medalhas a atletas paralímpicos, médicos e técnicos.

As homenagens são assinadas pelo presidente da Casa, deputado André Ceciliano (PT), e outros 44 parlamentares. Os projetos serão promulgados e publicados no Diário Oficial do Legislativo dos próximos dias.

Veja os atletas homenageados:

Jonas Alexandre de Lima Silva foi atleta do atletismo e competia nas provas de 400m. Em 2015, o técnico Fábio Dias convidou Jonas para conhecer o atletismo Paralímpico. Por conta do convite, Silva começou a treinar e competir como atleta-guia com a atleta Viviane Soares. Em 2016, começou a treinar e competir com o atleta Felipe Gomes, da classe T11. Com Felipe, Jonas teve a oportunidade de competir nos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro, onde obtiveram quatro medalhas, posteriormente duas medalhas no Mundial em Dubai e duas no Parapan-Americanos em Lima, Peru. Ano passado, 2020, participou como atleta guia nas Paraolímpiadas de Tóquio. A homenagem foi proposta no projeto de resolução 837/21.

João Victor Teixeira de Souza, atleta paralímpico brasileiro da classe T37, para atletas com paralisia cerebral. Representou o Brasil nos Jogos Parapan-Americanos de 2015 em Toronto onde conquistou uma medalha de ouro e nos Jogos Parapan-Americanos de 2019 em Lima, obteve duas medalhas de prata. Campeão Mundial no lançamento de disco em Dubai em 2019, João também conquistou a medalha de bronze no arremesso de peso. Nas Paraolímpiadas de Tokyo em 2020, conseguiu medalha de bronze no arremesso de peso com a marca de 14 m 45 cm e mais uma medalha de bronze no lançamento de disco, com a marca de 51m.55 c.m. A homenagem foi proposta no projeto de resolução 838/21.

Guilherme Ademilson dos Anjos Santos, atleta guia do atletismo das provas dos 5.000m e Maratona. Participou dos jogos Paralímpicos Rio 2016 e foi bronze na maratona guiando a atleta Edneusa Santo, classe T12, e também o atleta Yeltsin Jacques na prova de 5.000m, classe T12 atingindo a 5° colocação. Esteve em 2020 nas Paraolímpiadas de Tokyo onde atuou na prova dos 5.000m guiando o atleta Júlio César, classe T11 atingindo a 7° colocação. A homenagem foi proposta no projeto de resolução 839/21.

Caio Ribeiro de Carvalho iniciou a paracanoagem em 2011 após sofrer um acidente veicular que causou a amputação acima do joelho da perna esquerda. Desde pequeno sempre foi amante dos esportes e sonhava em ser Campeão Olímpico. Nas Paralimpíadas do Rio 2016 conquistou a primeira medalha da paracanoagem brasileira. Foi bicampeão mundial e seis vezes vice-campeão mundial. Caio estará em 2024 nas paralimpíadas de Paris. A homenagem foi proposta no projeto de resolução 840/21.

Veja os integrantes da equipe técnica homenageados:

Soraia Izabel Corrêa, técnica de Natação Paralímpica, foi a primeira mulher técnica de Natação no universo do atletismo Paralímpico. Técnica nacional do Comitê Paralímpico Brasileiro, sendo eleita a melhor técnica de natação de atletas deficientes visuais por mais de seis anos. Campeã Brasileira de Natação para Deficientes Visuais com atletas nas Paralimpíadas de Sidnei, Atenas, Pequim, Rio de Janeiro e Tóquio. Seus atletas são recordistas das Américas, campeões mundiais e Parapanamericanos e Paralímpicos.

Rafael Augusto Jacob de Jesus , fisioterapeuta osteopata D.O, classificador médico nacional de remo paralímpico, fisioterapeuta da Confederação Brasileira de Remo de 2013 até hoje. Jacob participou do Word Rowing 2013, na Coeria do Sul, do World Rowing 2014, em Amsterdã; do World Rowing 2015, na França; participou das Paralimpíadas no Rio de Janeiro, em 2016; em 2017 esteve presente no World Rowing, nos EUA; em 2018, no World Rowing na Bulgária. Em 2020, representou o Brasil nas Paralimpíadas de Tóquio. A homenagem foi proposta no projeto de resolução 835/21.

Frédéric Mallrich Jr trabalha com Remo desde 1999. Em 2013 iniciou no universo paralímpico como para-atleta e foi da Seleção Brasileira até 2016. Nesse período foi 4° lugar na Copa do Mundo de Varese. Em 2018, assumiu o cargo de técnico da Seleção Brasileira de Para-Remo, sendo responsável pela categoria PR3. Em 2021, Frédéric foi o 3° brasileiro da história do Para-Remo Nacional a ingressar em uma comissão da Federação Internacional de Remo, a World Rowing, e o 1° brasileiro a ingressar na comissão de Para-Remo dessa instituição que regulamenta o remo internacional. Desde 2016, como técnico de Para-Remo, Frédéric conquistou dois títulos Mundiais (2017 e 2018), classificou dois atletas para os Jogos de Tóquio, que ficaram entre os top 10 da competição e dois campeonatos brasileiros (classificação geral) em 2019 e 2021. A homenagem foi proposta no projeto de resolução 836/21.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Slide Limpeza de coifa de restaurantes, hotéis, bares, pousadas e churrascarias 3773-7290 96467-6207 CLIQUE AQUI E VEJA O NOSSO SITE: www.pefcoifaseexaustores.com.br Orçamento
Grátis
SOLICITE A VISITA DE UM TÉCNICO
Slide Conserto de fogões
industriais e comerciais
3773-7290 96467-6207 SOLICITE A VISITA DE UM TÉCNICO Orçamento
Grátis
Brastemp, Eletrolux, Continental, GE, Dako, Atlas e etc...

Slide Raffa's Refrigeração RESIDENCIAL E COMERCIAL 97631-9909 | 96814-7815 ACEITAMOS CARTÕES Ar-Condicionado em Geral (Manutenção)
Instalação do Split | Carga de Gás | Freezer | Geladeiras Balcão Frio | Conserto de Máquinas de Lavar
Slide Raffa's Refrigeração RESIDENCIAL E COMERCIAL 97631-9909 | 96814-7815 ACEITAMOS CARTÕES Ar-Condicionado em Geral (Manutenção)
Instalação do Split | Carga de Gás | Freezer | Geladeiras Balcão Frio | Conserto de Máquinas de Lavar

Slide Loja I - Rua Otávio Tárquino - 88 (em frente aos correios)
Loja II - Calçadão de Nova Iguaçu Galeria Iguassu - Loja 15 Nova Iguaçu
(ao lado do shopping multidão, antigo Shopping Vida)
Moda feminina Casual & festas
Slide Loja I - Rua Otávio Tárquino - 88 (em frente aos correios)
Loja II - Calçadão de Nova Iguaçu Galeria Iguassu - Loja 15 Nova Iguaçu
(ao lado do shopping multidão, antigo Shopping Vida)
Moda feminina Casual & festas
Menu